sábado, 1 de dezembro de 2007

Homem predador


Outro dia, chamou-me a atenção a capa da revista Galileu para a reportagem * Ele já foi o seu melhor amigo. Agora virou o seu filho *, a respeito do processo de humanização pelo qual os cães têm passado. A reportagem é muito boa, e discorre sobre os diversos níveis de relacionamento homem x cão. Ao ler um curto parágrafo que falava sobre o cão ser usado como alimento pelos asiáticos fiquei entre chocada e aterrorizada: Ele não só é usado como fonte de proteínas, como acredita-se que quanto mais o animal sofre antes de morrer, mais macia a carne fica!!! A frase seguinte me deixou bem abalada: descreve a cena de um animal em agonia, enforcado pendurado no teto e o cozinheiro ainda puxando suas patas para aumentar o sofrimento. Mas o pior foi a descrição de um cão magrinho, de olhos arregalados, sendo retirado de uma panela de água fervente para depois ser esfolado .... vivo!!!
PQP!! como a raça humana pode ser tão cruel!!
Será que eu sou sensível demais? Exagerada demais?

Não me recordo, dos vários documentários exibidos no Discovery Channel ou qualquer dos episódios do saudoso *O mundo Animal* por mais sangrentas que fossem as cenas, não me recordo de ter assistido qualquer coisa sobre uma espécie capaz de torturar, matar e/ou oferecer em sacrifício ser de sua própria espécie seja por qual motivo for, e sentindo prazer em alguns destes atos.

Pois o ser da raça humana faz isso. Imagine que precisamos até de leis para nos defendermos de outros de mesma espécie.

Oscilando entre o pessimismo e o realismo, não creio que haja algum tipo de recuperação para nossa espécie. Soa estranho para mim, dizer *nossa* espécie, incluindo-me entre estes seres, como se compartilhasse de tais barbaridades.

Talvez isso tudo seja parte de um grande desequilíbrio ecológico, uma vez que toda espécie animal precisa de outra espécie que funcione como predador a fim de que haja o controle populacional e o ciclo se cumpra. Nossa espécie carece de tais inimigos, restando-lhe apenas os acidentes naturais para cumprir esta tarefa. Mas isso também não serve de desculpa, consolo ou atenuante os comportamentos predatórios.
Espécie humana: uma espécie que pratica atos cruéis, desnecessária, mas intencionalmente.
E, se os seres humanos agem assim com outros de mesma espécie, por que haveria eu de pensar que ele fosse poupar animais de outras espécies?

"Chegará o dia que o homem conhecerá o íntimo dos animais. Neste dia, um crime contra um animal será considerado um crime contra própria humanidade."

7 comentários:

HugoBenjamim disse...

Seu post começa contando historias com um grafismo muito forte... e agora estou com essas imagens na cabeça e não será facil tirá-las!

Mas, concordo. O Homem faz muitas barbaridades que faz com tanta naturalidade que nem pára para pensar no que esta fazendo.

Guilherme Gurgel disse...

O único pensamento otimista que se pode ter em relação aos seres humanos é saber que existe apenas uma espécie humana.

Nos meus momentos mais pessimistas, sempre penso que nossa espécie seja apenas um erro da natureza. Se a capacidade de raciocínio fosse algo bom, creio que outros animais também a teriam adquirido conforme evoluíam.

Mas, ao contrário, eles permaneceram "irracionais", mas vivendo em paz (algo que a humanidade nunca conseguirá alcançar, já que a disputa e o conflito são dois princípios fundamentais do caráter humano).
--
Ah, e antes que eu me esqueça: parabéns pelo post! Hehehe.

HugoBenjamim disse...

Embora essa realidade me choque muito, eu sou mais sensivel ao sofrimento humano.

O humano é o nosso semelhante e vê-lo sofrer, para mim, é muito pior que ver um animal.

(Insectos, por exemplo, já considero a maior parte deles uma praga e por isso nem ligo! xD)

Diógenes Pacheco disse...

Seria "a respeito".
No mais, por chocante que seja pensar em um cão sendo morto dessa forma, no fundo é a mesma crueldade que dispensamos a um boi ou a um coelho, por aqui, sem tanto remorso. Sendo que o boi ainda tem a castração, durante a vida, muito antes do abate que também é bem cruel.
Não estou dizendo que não seja errado ou chocante. Só estou dizendo que não é só o oriente ou os cães.

[]´s

Osc@r Luiz disse...

Não me importa o seu idioma, ou onde você está. O meu desejo é o mesmo:

Alemanha: Fröhliche Weihnachten

Bélgica: Zalige Kertfeest

Brasil: Feliz Natal

Bulgária: Tchestito Rojdestvo Hristovo, Tchestita Koleda

Catalão: Bon Nadal

China: Sheng Tan Kuai Loh (mandarín) Gun Tso Sun Tan'Gung Haw Sun (cantonés)

Coréia: Sung Tan Chuk Ha

Croácia: Sretan Bozic

Dinamarca: Glaedelig Jul

Eslovênia: Srecen Bozic

Hispanoamérica: Felices Pascuas, Feliz Navidad

Estados Unidos da América: Merry Christmas

Hebraico: Mo'adim Lesimkha

Inglaterra: Happy Christmas

Finlândia: Hauskaa Joulua

França: Joyeux Noel

País de Gales: Nadolig Llawen

Galego (na Galicia): Bo Nada

Grécia: Eftihismena Christougenna

Irlanda: Nodlig mhaith chugnat

Itália: Buon Natale

Nova Zelândia em Maorí: Meri Kirihimete

México: Feliz Navidad

Holanda: Hartelijke Kerstroeten

Noruega: Gledelig Jul

Polônia: Boze Narodzenie

Portugal: Boas Festas

Romênia: Sarbatori vesele

Rússia: Hristos Razdajetsja

Sérvia: Hristos se rodi

Suécia: God Jul

Tailândia: Sawadee Pee mai

Turquia: Noeliniz Ve Yeni Yiliniz Kutlu Olsun

Ucrânia: Srozhdestvom Kristovym

Vietnã: Chung Mung Giang Sinh

São os votos do "By Oscar Luiz", do "Flainando na Web" e do "Gente Sem Saúde".

E que 2008 seja o ano das suas realizações!
Um grande abraço deste amigo que mesmo distante não se esqueceu de você!

mulherdascavernas disse...

quando estive nas filipinas me lembro de um certo momento,quando estavamos passando perto de um cachorro ainda pequeno, deveria ter uns 2 meses de vida naum mais eu creio, e uma filipina apontou o dedo e me disse q era muito gostoso, eu indaguei e disse que caes nao foram feitos para comer, e essa me respondeu..-'os caes velhos naum, mas os filhotes sim, pois tem a carne macia e cozidos ficam uma delicia!'........sinceramente, pensei q fosse uma piada de muito mal gosto, mas nao era. o ser humano e perverso...
e ai menina por onde tem andado?bnjoxs

Cristiane Fetter disse...

Infelizmente somos humanos.
Abraços
www.todoyda.blogspot.com